sábado, 19 de janeiro de 2013

Terapias na água

A água, o elemento mais básico da natureza, é tudo de bom para o corpo funcionar direitinho, deixar a pele mais bonita e ajudar a relaxar do stress e do cansaço. Tanto que os spas estão repletos de terapias que utilizam a água de diversas maneiras, mas com um objetivo em comum: o seu bem-estar

Clima japonês

O ofurô é bastante usado no Oriente em imersões para aliviar dores e curar doenças. Com água aquecida a cerca de 40 °C e sais de banho para hidratar a pele, ativar a circulação, reduzir a tensão e combater a insônia, a terapia é um bálsamo para o corpo e a alma.

Flutuação antiestresse

O watsu é um shiatsu dentro da água: em uma piscina aquecida, você é conduzida pelo terapeuta em respirações, alongamentos e movimentos que relaxam. A técnica é indicada contra ansiedade, depressão e insônia e ajuda a aliviar dores musculares. Quem não sabe nadar pode ficar tranquila: o corpo fica o tempo todo na superfície da água, não submerso.

Banho de mar

Quem vive na capital e não vê a hora de o fim de semana chegar para relaxar no litoral vai gostar da talassoterapia, banho que traz os benefícios da água do mar para dentro do spa. A terapia consiste na imersão em uma banheira de hidromassagem com água enriquecida com algas em gel, sais e oligoelementos que reproduzem as propriedades do ambiente marinho. Os jatos de água, direcionados para pontos vitais do organismo, atuam como uma massagem relaxante, ativam a circulação e auxiliam na desintoxicação do corpo. O banho também se vale da cromoterapia, pois acontece em ambiente com luzes coloridas que contribuem para equilibrar o organismo.

Pés descansados

Depois de um dia cheio, muitas vezes em cima do salto alto, os pés merecem um refresco. Fazer um escalda-pés é uma ótima pedida: não só descontrai a musculatura dessa parte do corpo e ativa circulação nas pernas como restaura a energia do corpo todo. Em uma bacia com água aquecida, ervas e óleos essenciais, a terapia pode adquirir propriedades estimulantes, desintoxicantes ou calmantes, dependendo dos aromas escolhidos.

Fonte: BOA FORMA / M de Mulher
Texto: Natália Leão

Postagens Relacionadas