terça-feira, 12 de março de 2013

Estudo sobre o fechamento do Megaupload

Um estudo da Universidade de Carnegie Mellon indica que downloads de filmes pirateados têm um grande impacto nas vendas legalizadas de produções cinematográficas. Segundo o site Buzz Feed, este é o primeiro estudo do tipo com uma análise de dados anteriores e posteriores a uma grande campanha contra pirataria.

O evento, no caso, foi o fechamento do site Megaupload. Os pesquisadores analisaram dados das vendas e do aluguel de filmes de dois estúdios de cinema.

De acordo com os dados, a receita dos estúdios ficou entre 6% e 10% acima do estimado, caso o Megaupload não tivesse sido fechado por autoridades.

Um dos pesquisadores responsáveis pelo levantamento, Brett Danaher, indica que o fechamento do Megaupload não coibiu a atuação de "piratas" mais pesados - que baixam grandes quantidades de arquivos. Mas ajudou a inibir usuários mais modestos, especialmente porque outros sites de downloads passaram a adotar medidas de proteção contra fechamento, como redirecionar os usuários para sites de downloads legais.

A pesquisa ainda deverá ser submetida à revisão de jornais acadêmicos.

Novo Megaupload

Em janeiro, foi lançado o Mega, novo site de Kim Dotcom, criador do Megaupload. Ele somou 1 milhão de usuários no primeiro dia de atividade. O site deve ter uma rodada de investimentos em seis meses e abrir para o mercado em um ano e meio.

O advogado de Dotcom nos EUA, Ira Rothken, disse que o portal reagiu com rapidez às notificações contra o Mega, que oferece até 50 gigabytes de armazenamento gratuito e a possibilidade que os usuários compartilhem seus arquivos através de uma chave codificada. "O Mega não quer que seus serviços de armazenamento sejam usados para propósitos ilegais", advertiu Rothken.

O lançamento do Mega coincidiu com o primeiro aniversário da operação do FBI e da polícia neozelandesa contra Dotcom e seu portal Megaupload na mansão do hacker em Auckland.

Além de Dotcom, também foram detidos três de seus sócios, enquanto as autoridades fecharam o Megaupload, confiscaram seus bens, congelaram suas contas e realizaram outras detenções na Europa.

Os EUA acusam o Megaupload de ter causado mais de US$ 500 milhões em perdas à indústria do cinema e da música ao transgredir direitos autorais e obter com isso lucros de US$ 175 milhões.

Fonte: Correio do Estado

Postagens Relacionadas